Como transportar Galinhas e Pintos

Como transportar Galinhas e Pintos | Reforma Agrária
Como transportar Galinhas e Pintos, sem Stress!

Os animais são sempre um problema, para quem vai de férias.

Se o cão ou o gato, até podem ir de férias consigo, já as aves de capoeira está fora de questão.

Não há alojamento de férias que as receba, e o mais provável é pensarem que você é maluquinho, se tiver coragem de perguntar, se aceitam galinhas, no seu destino de férias.

Solução tradicional - Matar as galinhas

Muitas pessoas criam galinhas e matam-nas, uma semana antes de irem de férias, para as consumir ou armazenar na arca congeladora. E está o problema resolvido!

Mas, e se você não quiser matar as suas galinhas?

Você pode criar galinhas, para ter ovos caseiros, mas nunca as matar, quer seja porque não consume carne, quer seja porque elas já são parte da sua "família", ou até ambas! 

Só tem estas alternativas:

  • ou arranja um vizinho disponível para cuidar das galinhas na sua ausência
  • ou as transporta para um local onde alguém trate delas,
  • ou as leva de férias consigo, o que só é possível se viajar para uma casa de campo, ou com quintal.

De qualquer forma, nunca poderá juntar as suas galinhas, com as que existam já no local, porque iria colocar todo o galinheiro em alvoroço.

 A solução é transportar as suas galinhas e, eventualmente,  levar uma gaiola preparada para o destino, onde as possa alojar, se não existir outra alternativa. 

Como transportar galinhas

O ideal, para minimizar o impacto da viagem e reduzir o stress das suas galinhas é protegê-las numa caixa pequena e acolhedora de cartão, apenas com alguns furinhos, mas que não tenha muito espaço, nem deixe entrar muita luz. 
A galinha vai ficar ali refugiada e sente-se mais confortável, do que se a transportar numa caixa aberta, com muita luz e espaço.

As galinhas não gostam de viajar

Antes de mais saiba que as suas galinhas, odeiam ser transportadas, de carro, de um lado para o outro e ficam muito stressadas com o trânsito: as luzes, os ruídos, as vibrações e até com o “pára-arranca” dos carros. 
Todos estes estímulos provocam stress nas aves e podem ter implicações para a saúde das suas galinhas, tais como, perda de peso, aumento suscetibilidade a doenças e até, em caso extremo, a morte.
Transporte as suas galinhas, apenas quando for estritamente necessário, para reduzir os níveis de stress, já que são animais sensíveis e nervosos q.b.
Controle o ambiente de transporte, cuidadosamente, para reduzir o impacto da viagem:

Antes da viagem

1 - Coloque cada galinha numa caixa pequena de cartão, com alguns furinhos, que tenha espaço suficiente para ela mexer as asas, nem deixe entrar muita luz.  Certifique-se que os orifícios de arejamento não deixam entrar demasiada luz.  Pode acomodar duas ou três galinhas na mesma caixa, desde que elas fiquem confortáveis e estejam habituadas à presença umas das outras. Com companhia, de outras galinhas, elas vão sentir-se mais mais confortáveis.

 2 - Coloque as caixas na parte detrás do seu veículo, numa zona que deixe circular o ar e não esteja exposta ao sol. Coloque as caixas sobre cobertores ou esteiras de borracha, para reduzir o simpactos e absorver algum ruído.

3 - Planeia a sua viagem, para uma hora com menos tráfego e em que esteja menos calor. As galinhas não têm glândulas sudoríparas  para reduzir o calor e por isso, precisam de ar fresco durante a viagem.

Durante a viagem

Como transportar Galinhas e Pintos | Reforma Agrária
Como transportar Galinhas e Pintos, sem Stress!

Ar fresco

4 - Se a viagem for muito longa, pare nas horas mais quentes, num local fresco e abra as portas do veículo para refrescar o ambiente. Aproveite para colocar água fresca na caixa e certifique-se de que cada caixa de transporte mantém as aberturas de respiração desimpedidas.
Se conseguir que haja uma ligeira brisa de ar fresco, a circular, as suas galinhas vão manter-se mais calmas. Mas não exagere!  As suas galinhas não querem viajar num veículo de caixa aberta completamente expostas ao vento e pó da estrada.

Água potável

As galinhas precisam de ter acesso permanente a água potável fresca, durante a viagem, ou em alternativa, a cada duas horas de viagem, no máximo, para não ficarem desidratadas.

Alimentação

Se alimentar as suas galinhas antes da viagem, só precisa de as alimentar novamente ao fim de quatro horas. Em alternativa, deixe alguns cereais na caixa onde viaja a galinha, para ela se ir alimentando. 
 

Ambiente

Tente criar um ambiente que permita às suas galinhas sofrer o mínimo de perturbação possível.

O ideal é que as suas galinhas viajem num ambiente bem arejado, mas bastente escuro, para entrarem num estado de sonolência, que as mantenha relaxadas, durante toda a viagem. 
 

Conduza de forma suave e silenciosa e evite as rotas e horários com mais trânsito.

No destino 

Como transportar Galinhas e Pintos | Reforma Agrária
Como transportar Galinhas e Pintos, sem Stress!

O alojamento 

Antes da viagem, providencie, na medida das suas possibilidades, para que à chegada as suas galinhas tenham imediatamente disponível:
- água fresca
- comida 
- uma cama de palha  para descansarem
- uma cerca de proteção, com um refúgio de predadores, que lhes garanta segurança.

O ideal é que o local já esteja preparado à sua chegada, para que as galinhas possam transitar de imediato para o novo espaço.


Se você seguir estes conselhos, as suas galinhas não irão estranhar tanto a mudança e é natural que fiquem o mais contentes possível quando chegarem ao novo local.

O que, inevitavelmente, terá impacto na saúde e nas posturas de ovos.

  

Partilhar no FacebookPartilhar no TwitterPartilhar no LinkedInPartilhar no PinterestEnviar por email

Mariana Barbosa

Artigos relacionados que talvez lhe interessem
MENU