É tempo de Espargos

Reforma Agrária22 abril 2022
Partilhar no FacebookPartilhar no TwitterPartilhar no LinkedInPartilhar no PinterestEnviar por email

Espargos Verdes BIO
Agricultura BiológicaPorto
stock2,55 €/un
Espargos Roxos BIO
Agricultura BiológicaPorto
stock2,75 €/un
Espargos frescos
Agricultura IntegradaBraga
stock2,25 €/un
Espargo
Agricultura TradicionalBraga
stock0,01 €/gr
Espargo Verde
Agricultura IntegradaPorto
stock0,01 €/gr
Espargo Verde
Agricultura TradicionalPorto
stock0,01 €/gr
Espargos Verdes Bio a Granel
Agricultura BiológicaBraga
stock8,80 €/kg
Espargos Verdes Bio, molho 250g
Agricultura BiológicaBraga
stock2,20 €/emb
Espargo verde
Agricultura TradicionalPorto
stock8,00 €/kg

Espargos Frescos: Saborosos e Coloridos

Muito mais saborosos e coloridos que os espargos de conserva, os espargos frescos são também mais ricos em nutrientes.

Pode encontrar à venda: espargos verdes, roxos e brancos.

Muito apreciados em sopas, os espargos são das hortícolas mais versáteis, pois podem ser consumidos frios em saladas e entradas ou quentes como acompanhamento de pratos de peixe ou carne. 

Os espargos roxos são mais adocicados que os espargos verdes e brancos.

Onde Comprar Espargos, em Portugal

Na Reforma Agrária vai encontrar diversos Produtores Agrícolas de Espargos, dispersos de Norte a Sul de Portugal, que pode contactar diretamente para encomendar os seus espargos frescos, acabadinhos de colher na horta!

Nesta altura do ano já existem espargos à venda, de produção local, em Portugal. 

Se não existir um produtor de espargos na sua zona, pode sempre verificar quais os produtores que fazem entregas na sua área de residência, uma vez que alguns agricultores fazem entregas por transportadora, para todo o país. 

Espargos Bravos 

Os espargos são uma planta que também ocorre de forma espontânea em algumas zonas de Portugal.

São os chamados espargos selvagens, ou "espargos-bravos", mais fininhos e aromáticos do que os cultivados, mas igualmente saborosos, embora sejam menos produtivos.

Mas, em geral são cultivados, como planta anual, para consumo alimentar

Partilhar no FacebookPartilhar no TwitterPartilhar no LinkedInPartilhar no PinterestEnviar por email
Artigos relacionados que talvez lhe interessem
MENU